quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Felicidade



Que tal começar a ter uma vida mais saudável? Sentir-se melhor consigo mesma?

Qualquer tipo de atividade física (incluindo a sexual) libera endorfina, que melhora a memória, o humor e o sistema imune, cardiológico e circulatório.


Contrariando pesquisas passadas, um recente estudo concluiu que não há relação de causa e efeito entre praticar exercícios físicos e obter alívio nos sintomas de depressão. O que ocorre, dizem os holandeses, é que quem não gosta de praticar exercícios tende a ser mais depressivo.


Porém isso não quer dizer que a atividade física não seja recomendada para a saúde mental. Pelo contrário. Exercícios físicos liberam neurotransmissor endorfina no cérebro. A substância melhora a memória, o humor, faz bem para o sistema imunológico e circulatório, diminui o risco de doenças da próstata no homem e combate os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento das células.


Além disso, segundo o psciquiatra Hermano T., há o benefício pscicológico em obter um retorno causado pelo esforço corporal. " A atividade ainda promove a regulação dos hormônios do estresse", afirma. Tavares coordenou um estudo com dependentes químicos atendidos pelo ambulatório em que trabalha no Hospital de Clínicas de SP, no qual os voluntários passavam por sessões semanais de caminhada ou corrida. A maioria conseguiu reduzir a fissura causada pelo vício.


Por falar em cuidados com o corpo, onde entra a aparência na equação da felicidade? Cuidar de si mesmo é importante, claro. Mas, assim como o dinheiro, abeleza pode trazer somente uma felicidade temporária.( Será?) Neste ponto voltamos à tal adaptação hedonista" . Ela ocorre quando nos acustumamos com uma determinada fonte de prazer, seja ela bem material, ou uma cirurgia plástica, ao ponto em que ela deixa de proporcionar satisfação.


Bem, se vc já se convenceu de que ser bonito é bacana, mas não é tudo, está na hora de passar para a última etapa: o treino mental, mais precisamente por meio de meditação ou outras atividades introspectivas. " Estudos mostram que a prática regular me meditação pode promover uma alteração da fisiologia do cérebro provavelmente associada ao bem-estar, durante e depois da atividade".


O exercíco mental da meditação pode ajudar a aliviar o incomôdo causado por questões existenciais como "quem sou eu?" e "para onde eu vou?". Chopra acredita que felicidade duradoura vem do reconhecimento daquilo que temos de eterno por sermos manifestações de uma consciência universal. Logo, não teríamos início nem fim. Vc não precisa acreditar nisso, mas esse pode ser um ponto de partida para suas reflexões.


Além disso, o sexo também estimula a produção de endorfinas e todas as consequencias benéficas acima citadas. Exatamente por isso a falta de prazer (e de felicidade) na cama é um alerta.

Além das disfunções serem um enorme problema do ponto de vista das relações e da saúde mental, elas podem ser um sinal de que há outros perigos para a saúde do indivíduo, como as doenças cardíacas. Em suma, o sexo " dá liga" nos relacionamentos, promove a intimidade e a sensação de conexão com outro ser humano. Felicidade Pura.





Lembre-se da conexão entre mente e corpo. O que fazemos - ou deixamos de fazer - por influencia do outro

Se vc é sedentário, comece devagar. Uma caminhada diária de 20 minutos já ajuda a melhorar o humor.

Sono adequado e hábitos alimentares saudáveis tamb são fundamentais.

Se começar a meditar, seja formal: estabeleça horários e um lugar específico.

Procure ter uma vida sexual saudável e prazeroza - para vc e seu parceiro.

Texto da revista Galileu, editora Globo, Felicidade.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget